Esperanças

Esperanças
Autor: Paolo Rossi

Sinopse – Esperanças – Paolo Rossi

Nesta pequena obra Paolo Rossi convida o leitor a refletir sobre esperança, sentimento que parece acompanhar o ser humano desde os primуrdios, assumindo diferentes facetas ao longo dos tempos. Apуs discorrer criticamente sobre os diversos conceitos de esperança, abordando inclusive a desesperança, ele sugere que se cultive apenas esperanças “sensatas”. Para o filуsofo, o mundo é por natureza desigual e por isso estaria eternamente sujeito a conflitos, o que torna a “Grande Esperança” uma simples e ingкnua quimera. Mas esse mesmo mundo vem promovendo conquistas inquestionáveis e de forma acelerada para um número cada vez maior de pessoas, ambiente que desmonta igualmente as previsхes apocalípticas.
No primeiro dos trкs capítulos da obra, “Sem esperanças”, Rossi faz um rico apanhado da literatura apocalítptica e catastrуfica. Questiona os intelectuais “masoquistas” e a autocondenação do Ocidente – que, acredita, embute um sentimento de superioridade, mais do que de remissão. E dedica algumas páginas, inclusive, ao catastrofismo do momento, o aquecimento global, defendendo, de maneira muito bem fundamentada, que, embora seja incontestável, não há provas de que o fenômeno decorre da atividade humana.
No segundo capítulo, “Esperanças desmedidas”, o filуsofo fala sobre o apego a um tipo oposto de expectativa quanto ao futuro. Ele questiona os paraísos imaginários, o mito do homem novo, a recente ideologia do transhumanismo, as ideologias – que a seu modo também prometem uma espécie de éden. Enfim, questiona a “Grande Esperança”.
O terceiro capítulo é dedicado а defesa da adesão аs “esperanças sensatas”. Esta seria a medida possível de esperança, diante da inevitabilidade das contendas num mundo povoado por diferenças. Em tal ambiente, o filуsofo propхe que se busque estabelecer “pazes”, em vez de almejar por uma questionável paz universal e perene. Contrapondo-se aos catastrуficos, místicos e “xamãs fantasiados de filуsofos”, ele lembra as virtuosas conquistas da época contemporвnea que, embora não alcancem “todos” os seres humanos, vкm se expandindo rapidamente, assim como o regime político sob o qual se desenvolvem – a democracia.

Esperanças – Paolo Rossi

Por favor, compartilhe este livroShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

A informação nesta página está disponível apenas para referência.
Você pode comprar ou baixar este livro online - amazon.com.br