Modernizando a Desigualdade

Modernizando a Desigualdade
Reestruturação da Ideologia de Gкnero no Brasil 1914-1940
Autor: Susan K. Besse

Sinopse – Modernizando a Desigualdade – Reestruturação da Ideologia de Gкnero no Brasil 1914-1940 – Susan K. Besse

A entrada do Brasil na era industrial moderna provocou grandes e rápidas mudanças na visa cotidiana, nos hábitos e comportamentos sociais nos grandes centros urbanos, onde as mulheres ingressavam em escolas e profissхes antes impensáveis. Susan Besse focaliza a histуria da luta de gкnero, destacando o papel das grandes lideranças do movimento feminista da época, pela ousadia de questionar valores herdados da velha ordem patriarcal e pela conquista de direitos políticos e sociais que mudaram, significativamente, as relaçхes entre homens e mulheres no вmbito da família, do trabalho, da educação e da cultura. Essa conquista enfrentou árdua oposição de vários setores e segmentos sociais que se viam ameaçados, requerendo a intervenção do Estado para a acomodação de conflitos e interesses de classe. Conforme mostra a autora, a conquista de direitos, para a qual o movimento feminista muito contribuiu, não garantiu uma verdadeira igualdade de gкneros, mas apenas modernizou as desigualdades. As mulheres operárias não tiveram oportunidades de educação e trabalho como as das classes superiores e continuaram economicamente dependentes. Na medida em que não ameaçavam a posição dos maridos, de cabeça do casal, acabaram reforçando o modelo de família baseado na denominação masculina.

Modernizando a Desigualdade – Reestruturação da Ideologia de Gкnero no Brasil 1914-1940 – Susan K. Besse

Por favor, compartilhe este livroShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

A informação nesta página está disponível apenas para referência.
Você pode comprar ou baixar este livro online - amazon.com.br