Olho Nu

Olho Nu
Autor: David Cohen David Cohen

Sinopse – Olho Nu – David Cohen

A poesia de David Cohen não tem salto alto, pode ler que não machuca o pé. Ele nos abre um inventário de perdas. Tira versos de corredores, portas abertas de geladeiras e sintecos envelhecidos, tudo é passível e plausível а sua lira, nada escapa а sua percepção. A matéria prima são as vozes vindas de dentro: fragmentos de lembranças de avуs. Namoradas que perderam a paciкncia. Meninas e meninos amigos de infвncia. Baliza de futebol feita com sandálias numa rua que mudou de nome e talvez nem exista mais. Vedada qualquer chance de recorrer аs nostalgias, passar certidão de estar certo em todas as incertezas. David Cohen é poeta em contato com o chão, plantado num aqui e agora que é também passado e futuro. O menino antigo hoje brinca com as palavras, faz da poesia a sua casa de árvore, sue refúgio. Escreve com extrema leveza e simplicidade, hábil em ordenhar o leite das prуprias sensaçхes. São versos despidos de aparatos, rococуs ou rebuscamentos. Poesia nua a olho nu.
Mano Melo – Poeta, ator e romancista.

Olho Nu – David Cohen

Por favor, compartilhe este livroShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

A informação nesta página está disponível apenas para referência.
Você pode comprar ou baixar este livro online - amazon.com.br